Não é de hoje que o planejamento tributário está em pauta no dia a dia dos empreendedores. Seja por curiosidade ou real interesse de pôr um planejamento tributário em prática, você certamente está aqui porque já ouviu algo positivo sobre essa estratégia. 

As dúvidas sobre o assunto são muitas e os mitos e fake news também. Foi pensando em tirar as dúvidas que existem e aquelas que possam vir a existir que preparamos este post. 

Aqui vamos falar exatamente o que é o planejamento tributário, qual o seu objetivo e as vantagens para a empresa. Por fim, vamos mostrar um plano básico, em formato de infográfico, para você começar a elaborar o seu. Legal, né?

Boa leitura e um excelente aprendizado 🙂 

O que é planejamento tributário? 

Na prática, é um plano de ação para reduzir legalmente os encargos tributários que incidem sobre determinada empresa. 

Este planejamento prevê que a empresa aumente os seus lucros reduzindo seu custo tributário, que é enorme no nosso país. No Brasil, a arrecadação de imposto correspondente a cerca 33% do PIB nacional. Ou seja, perto da metade do valor de tudo que é produzido aqui. 

Para que serve o planejamento tributário? 

O planejamento tributário possui dois objetivos principais:

  • reduzir as cargas tributárias de forma ética e, portanto, diminuir os custos da empresa;
  • e evitar prejuízos financeiros para a empresa.

Veja bem, o que geralmente acontece é que, em média, 470 normas tributárias são editadas diariamente. Sim, alterações são feitas a todo momento e apenas um profissional da área possui o tempo e conhecimento necessários para entender todas essas normas. 

O fato é que a maioria dos empresários que não tem esse auxílio acaba perdendo dinheiro em impostos pagos que não incidem mais sobre a sua empresa. Acredite, isso acontece com mais frequência do que se imagina e você pode ser uma vítima da burocracia também. 

O contrário do pagamento excessivo de impostos também pode ocorrer e, com o não pagamento dos impostos certos, você pode acumular grande dívida, até mesmo sem saber, e ser pego de surpresa com uma autuação e o risco de perda de seus bens.

O bom planejamento tributário garante ao empreendedor a saúde financeira do seu negócio, estando em conformidade com a lei. 

Ações estratégicas do planejamento tributário

  1. Arquitetura do negócio

Chamamos de análise da arquitetura do negócio o exame da forma de desenvolvimento da atividade empresarial, ou seja, a verificação de como funciona o processo de venda da empresa, a relação com os clientes e como tudo isso é documentado e levado à tributação.

A mesma atividade empresarial pode ter tratamento tributário distinto, dependendo da forma como é formalizada e os regimes tributários utilizados.

  1. Revisão tributária

Este segundo passo é a revisão da apuração tributária da empresa nos últimos 5 anos. Este trabalho visa identificar possíveis falhas na apuração que possam gerar créditos ou identificar passivos tributários.

  1. Questionamentos judiciais – Teses

Além disto, são inúmeras as discussões judiciais que envolvem exigências tributárias. Algumas com prognóstico favorável aos contribuintes e outras nem tanto, contudo, é importante que o empresário busque todas as oportunidades possíveis de maximizar o seu resultado. Um resultado positivo no questionamento de uma exigência tributária indevida pode representar um significativo ingresso de caixa.

Como fazer um planejamento tributário? 

Um planejamento tributário efetivo precisa ser feito entre o advogado especialista, o contador e a diretoria da empresa. Isso porque, é importante ressaltar, não existe ninguém que conhece melhor a empresa do que seus fundadores e administradores.

No entanto, existem alguns primeiros passos que você pode seguir para dar o start inicial ao seu planejamento.

Montamos um infográfico didático para que você possa adaptar à realidade da sua empresa:

Sabe aquele ditado de que prevenir é melhor do que remediar? Bom, por aqui já vimos na prática que planejar é melhor que remediar. São muitos detalhes, leva tempo para ser feito, mas a gente garante que vale muito a pena para você e para a sua empresa. 

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe com a gente aqui nos comentários ou em nossas redes @velosodemeloadv.